Benefícios do High School

High School online como porta de entrada para universidades internacionais

O maior acesso à informação através da internet permitiu que mais pessoas descobrissem que há sim a possibilidade de se estudar no exterior. Estudar nos Estados Unidos, Canadá ou em algum país da Europa significa fazer parte de alguns dos melhores cursos superiores que existem, então isso certamente conta muito na hora dos estudantes brasileiros fazerem suas escolhas.

Fazer o Ensino Médio americano não é exigência para quem quer estudar nos EUA, mas isso certamente aumenta as chances de chegar lá. o programa de High Schhol permite que alunos se tornem mais completos - uma coisa que as universidades estão sempre buscando e incentivando.

Só é possível alcançar essa formação diferenciada e que gera grande destaque nos EUA através do high school. O programa 100% online da Centric Learning oferece aulas de disciplinas do currículo norte-americano em modelo ao vivo, com professores americanos. Nosso sistema facilita muito para quem tem interesse em fazer o high school, porque as aulas podem ser feitas nos melhores horários para o aluno e ele não precisa sequer sair de casa para ter uma experiência internacional, além de pagar valores muito menores do que gastaria com um intercâmbio ou com uma escola internacional.

Saiba mais

Método de PBL para avançar o aprendizado dos estudantes

PBL significa Project-Based Learning (Aprendizagem Baseada em Projetos). Esta é uma metodologia de ensino ativa, que coloca os alunos no centro do processo educacional. Eles se tornam protagonistas do próprio aprendizado ao desenvolver projetos relacionados a situações e problemas reais e relevantes.

Uma pesquisa da DreamShaper concluiu que quase 70% dos professores usam projetos em sala de aula, de alguma maneira, o que já é um bom sinal, mas muitas vezes isso é feito ainda de forma superficial, sem abordar ou aproveitar todas as ferramentas e benefícios dessa metodologia.

Trabalhando com PBL com milhares de alunos todos os dias, na Centric Learning nós vemos de perto o impacto que isso pode causar e ouvimos dos pais o quanto seus filhos têm se desenvolvido em diferentes áreas de suas vidas. O senso de independência e de protagonismo que as habilidades desenvolvidas com o PBL proporcionam são essenciais para isso, porque abrem as portas para que esses alunos possam se comunicar e se expressar, afetando a maneira com que eles se enxergam na escola, em casa e na sociedade.

Saiba mais

Educação financeira que ajuda nossos alunos a se planejar para o futuro

Uma pesquisa recente feita pelo grupo Globo no final de 2021 apontou a educação financeira como a disciplina que os entrevistados mais gostariam que fosse implementada na educação brasileira. O segundo lugar ficou para o ensino de um segundo idioma fluente.

Existe um motivo para isso. Cada vez mais sentimos a necessidade de ensinarmos às nossas crianças a se tornarem independentes e capazes de lidar com diferentes tipos de situações - até mesmo aquelas que não conseguimos prever. E para que elas possam trilhar um bom caminho, elas vão precisar entender de finanças e de como cuidar de seu próprio dinheiro.

Aqui na Centric Learning, nós oferecemos aos nossos alunos a disciplina de Economics, que fornece aos alunos uma visão geral da economia com ênfase principal nos princípios da microeconomia (incluindo finanças pessoais) e no sistema econômico global. Vemos todos os dias como isso faz a diferença na formação dos nossos estudantes, que usam esse conhecimento para planejar um curso superior nos Estados Unidos ou até mesmo para criar um plano de ação para as empresas que gostariam de abrir.

Saiba mais

Uso de tecnologia na educação ajuda a desenvolver habilidades essenciais

“Está cada dia mais claro que a tecnologia e a educação precisam andar juntas”, afirma Thiago Reis, diretor-executivo da Centric Learning. “Isso ficou ainda mais evidente com a pandemia, que forçou estudantes do mundo todo a estudarem de casa. Foi aí que vimos o quanto era necessário que nossos estudantes tivessem acesso a computadores, internet e ferramentas educacionais”.

Para Reis, a adoção de soluções tecnológicas em instituições de ensino pode melhorar o aprendizado dos educandos, uma vez que a maneira como as pessoas aprendem mudou nos últimos anos. “Hoje, qualquer informação ou dado que está em um livro didático, por exemplo, pode ser encontrado na internet. Mas será que nossos alunos sabem fazer essa busca? Será que eles sabem usar a internet a seu favor?”, questiona.

Nesse sentido, o profissional reforça a importância de que a educação e a tecnologia caminhem juntas, e que os estudantes possam aprender como fazer bom proveito dessa união. “Ao definir situações e problemas e oferecer aos estudantes as ferramentas tecnológicas e o conhecimento para que eles busquem soluções, as escolas ajudam a formar cidadãos preparados para uma sociedade e um mercado de trabalho em constante mudança”, diz.

Saiba mais

Conhecimento sobre sociedade, política e justiça ajuda a formar cidadãos mais ativos

"Não há dúvida de que nossos alunos têm um longo currículo escolar para estudar, mas percebemos que é necessário que o próprio funcionamento do governo, do setor político e jurídico brasileiro seja tema de disciplinas escolares. Não podemos nos dar o luxo de deixar que nossos jovens fiquem alheios ao funcionamento do próprio país", afirma Thiago Reis, diretor executivo da Centric Learning.

Neste ponto, Thiago destaca que nos Estados Unidos, e no Brasil - em programas de high school americanos -, há disciplinas como a de Civics (Conhecimento Cívico, em tradução livre), que traz um conteúdo especialmente voltado para este assunto. "Alunos de Civics compreendem o básico sobre política ocidental, aprendendo sobre sistema presidencialista, funcionamento do congresso ou parlamento, como se dividem os três poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário) e como essas esferas se comunicam para fazer o país funcionar".

"O problema de deixar nossos estudantes à própria sorte é que eles podem não entender, realmente, a importância e o impacto que eles podem ter no futuro de seu país", pontua Reis. "Mostrar aos jovens como eles são essenciais e protagonistas nesse processo pode lhes dar um senso de responsabilidade em participar das eleições e, também, criar o interesse em participar ativamente desse processo, não só votando, mas participando de debates, sugerindo propostas, e mais", complementa.

Saiba mais

Ensino remoto é feito cada vez com mais qualidade e é ótima alternativa para quem quer flexibilidade

O retorno ao ensino remoto em alguns lugares demonstrou como foi importante o passo que empresas e pessoas deram de migrar tudo o que foi possível para o formato on-line e à distância. “Quem apostou nesse formato desde cedo não terá problemas em retornar a ele, onde for necessário”, diz Thiago Reis, diretor executivo da Centric Learning.

“Nosso programa de high school, que oferecemos no contraturno para dezenas de escolas parceiras no Brasil, migrou para um modelo on-line, ou híbrido, em poucos dias, porque era uma experiência que já tínhamos nos Estados Unidos. O modelo de ensino on-line é melhor aceito entre pais e alunos - muitas de nossas turmas sequer voltaram para o presencial com o abrandamento da pandemia”, informa.

Saiba mais

Nome(Required)
This field is for validation purposes and should be left unchanged.